,

#URBE.ME RESPONDE: Rentabilidade dos projetos

#URBE.ME RESPONDE: Rentabilidade dos projetos

#URBE.ME RESPONDE: Rentabilidade dos projetos

Oi pessoal, tudo bem?
Hoje a gente vai responder a principal dúvida dos investidores!

De onde vem a rentabilidade dos projetos da plataforma?

Mas antes de sair por aí dizendo de onde vem a rentabilidade, é importante o investidor saber O QUE é o investimento dele.

Quando o investidor realiza um aporte no URBE.ME, ele está adquirindo um percentual do VGV (Valor Geral de Vendas).

Isso nada mais é o que uma parte do valor que a incorporadora recebeu pelas vendas realizadas no empreendimento, certo?

Então tá, vamos pra parte da rentabilidade:

A rentabilidade projetada, aquela que aparece na página dos projetos, é calculada a partir da análise de viabilidade do empreendimento, e está sempre, sempre, sempre disponível para consulta na página do projeto.

É só ir em “análise de viabilidade econômico-financeira” que você encontra este documento.

Nesta análise, calculamos o percentual do VGV que deve ser destinado ao investidor.

E é aí que acontece tudo:

Ao final do prazo de vencimento, as vendas do empreendimento são apuradas e aí é calculado o valor que será destinado aos investidores do URBE.ME.

Caso o empreendimento venda conforme projetado, a rentabilidade recebida pelo investidor será exatamente o centro da meta da rentabilidade.

Os projetos possuem uma certa margem de erro para mais e para menos na rentabilidade. Isso existe porque não temos como prever com exatidão qual o preço que vai ser vendido cada unidade.

Eai, ficou mais claro de onde que vem a rentabilidade do URBE.ME?

Nós falamos um pouco mais sobre a rentabilidade dos projetos neste artigo aqui.

Abraços e bons investimentos